InvestimentoPlanejamento Financeiro

Poupar ou investir: Descubra o que é melhor para você

Por 16 de junho de 2016 2 Comentários
jzyInldzgL7FQ2Fb_fde1e593fe25b63b39fdfef25c94f9f6

Você sabe qual é a diferença entre poupar e investir? Como saber se o seu dinheiro está no melhor lugar? Entender a característica da poupança e de um investimento é essencial para descobrir o melhor caminho para o seu dinheiro e como alcançar o que você deseja.

Acompanhe!

 

Poupar

Poupar é basicamente guardar dinheiro, reajustar suas finanças para economizar uma quantia de dinheiro que pode ser utilizada na compra de um bem, por exemplo. É o tipo de ação financeira mais comum entre brasileiros.

 

Investir

Investir é fazer o dinheiro trabalhar para você, aumentar o seu capital a partir de aplicações em classes de ativos. Investir também é economizar, mas ao colocar seu dinheiro em investimentos, você está disposto a não mexer nele até que gere rendimentos.

 

Qual a melhor opção?

Para escolher a melhor opção para o seu dinheiro, você precisa estabelecer uma meta, assim se manterá motivado. Você precisa de dinheiro para comprar um bem? Pretende investir para aposentadoria? Ou quer multiplicar seu patrimônio e viver de renda? Avalie, por exemplo, quanto precisa ser economizado e durante quanto tempo. Com base nessa meta, pesquise as opções disponíveis e seus rendimentos.

Na caderneta de poupança, você pode investir qualquer quantia de dinheiro, é um investimento isento de Imposto de Renda que pode ser resgatado a qualquer momento. Pelo lado negativo, é um dos investimentos com rendimentos mais baixos do mercado, que sofre impacto direto da inflação – em 2015, ela rendeu apenas 8,15% ao ano.

Já investir é ideal para quem planeja a longo prazo, ou seja, que não irá contar esse dinheiro no prazo mínimo de três anos. Existem uma infinidade de investimentos, com retornos variados como: ações, imóveis, hotéis, debêntures, fundos de investimento, CDB’s e RDB’s, títulos públicos, entre outros.

Investimentos são ideais para pessoas que já têm algum conhecimento sobre o mercado financeiro e estão dispostas a assumir riscos, pois o retorno pode oscilar muito. Para saber qual escolher, procure informações sobre taxas aplicáveis, rendimentos e variações e veja o que melhor se encaixa no seu planejamento.

No site da Caixa, você encontra conteúdo sobre Educação Financeira, que pode ajudar a dar os primeiros passos nesse mundo.

Qual é a sua escolha? Como fez a sua opção? Deixe nos comentários.

Baixe agora o nosso e-book completo “Como se organizar financeiramente para comprar o seu imóvel”! Um conjunto de dicas exclusivas para você realizar o seu sonho:

Join the discussion 2 Comments

  • […] Como tudo na vida, para comprar um imóvel, não há segredo: você precisa economizar. Por isso, a partir do momento que conseguir o primeiro emprego e receber o primeiro salário, estabeleça uma meta de quanto irá economizar por mês. Pense na sua situação: mora com os pais, não tem filhos e nenhum endividamento a longo prazo? Aproveite para guardar mais, poupando, pelo menos, 30% dos seus ganhos. Essa também é uma excelente hora para descobrir o que é melhor para você: poupar ou investir; […]

  • […] que só é possível investir com uma grande quantia de dinheiro, preferindo a estabilidade da poupança. Mas com a inflação em alta, poupar não está sendo a opção mais indicada para ter […]