Planejamento Financeiro

Enxergue o imóvel com olhos de investidor

Por 12 de fevereiro de 2016 Nenhum Comentário
Enxergue o imóvel com olhos de investidor

Comprar um imóvel deve ser encarado não só como a realização de um sonho, mas também como um investimento. Se você seguiu todas as nossas dicas sobre como se organizar financeiramente e o que levar em conta na hora de adquirir um patrimônio, você naturalmente percebeu que o processo exige trabalho e pesquisa. Afinal, é um bem para a vida toda e um compromisso de longo prazo.

Você precisa pensar como um investidor na hora de comprar sua casa ou apartamento. Consultar o mercado financeiro e imobiliário é uma tarefa obrigatória, por exemplo. Você precisa identificar as boas oportunidades para saber qual o melhor momento de realizar o negócio.

Apesar da crise, o contexto atual é excelente para investir em imóveis. Isso porque o investimento é considerado seguro em tempos de instabilidade, ou seja, os preços permanecem regulares durante esse período. A antiga lógica de comprar imóveis quando o mercado está parado e vender quando ele está valorizado continua valendo.

Outra sacada típica de investidores é refletir sobre o negócio. Muitas pessoas acabam sendo insensatas por concluírem que encontraram uma boa oportunidade sem uma base para comparação, mas o melhor a fazer é sempre voltar para casa, descansar e esperar o dia seguinte para tomar a decisão. Nunca aja por impulsividade.

Além disso, se você deseja obter um imóvel apenas como investimento para logo vendê-lo ou alugá-lo, você deve entender que os mesmos critérios da compra pessoal não se aplicam neste caso. Por exemplo, o imóvel estar localizado em um lugar que você não gosta tanto, mas que pode trazer grande retorno, é algo que deve ser deixado de lado. O ângulo do negócio muda para o que é lucrativo.

Todos esses pensamentos devem ser inclusos na hora de realizar análises que determinarão onde/quando morar e o que/como comprar.

https://materiais.tarjab.com.br/qual-a-metragem-do-apartamento-ideal-para-voce