Imóvel

Como Declarar Apartamento na Planta?

Por 12 de fevereiro de 2019 Nenhum Comentário
Como Declarar Apartamento na Planta?

Quer saber como declarar apartamento na planta para o IRPF (Imposto de Renda de Pessoa Física) de forma simples e objetiva? Então você está no lugar certo! Preparamos esse artigo especialmente para te ajudar nessa tarefa.

O que é o IRPF?

Antes de falarmos sobre como declarar apartamento na planta, é importante saber — brevemente — sobre o que é o IRPF.

Trata-se de uma taxa de tributo em cima dos ganhos de pessoas físicas que possuem rendimentos anuais acima de um valor pré-determinado. Ou seja, uma parte da renda do contribuinte é entregue ao Governo Federal, de acordo com os ganhos de cada pessoa.

A finalidade do IRPF é suprir todas as necessidades da população, como por exemplo, saúde, educação, transporte e demais gastos públicos.

Afinal, como declarar apartamento na planta?

Todo e qualquer imóvel adquirido possui a necessidade de ser declarado no IRPF, mesmo que esteja na planta. Sendo assim, quando estiver fazendo a sua declaração, vá até a ficha nomeada “Bens e Direitos” e, no campo “Situação em 31/12/20XX”, preencha com o valor dado como entrada no apartamento referente às prestações quitadas no decorrer do ano.

Logo, no próximo ano você preencherá esse mesmo campo com o valor da entrada em conjunto com as parcelas pagas durante o período vigente. Por exemplo: se, em 2017, você pagou R$20 mil de entrada e, em 2018, quitou mais R$30 mil, a declaração do primeiro ano será preenchida apenas com os R$20 mil e em 2018 com o valor cheio de R$50 mil.

Após os dois primeiros anos, você deverá informar o valor integral pago pelo financiamento até a quitação do bem.

Feito isso, vamos passar para o campo “Discriminação”, local que deve ser preenchido com um breve descritivo do apartamento, com informações como:

  • endereço;
  • construtora;
  • CNPJ da construtora;
  • data de aquisição;
  • valor total do empreendimento;
  • valor investido na entrada;
  • valor quitado durante as obras;
  • valor das parcelas intermediárias;
  • parcela referente ao habite-se;
  • saldo remanescente quando o pagamento para a construtora for finalizado — adicione o nome do banco e prazo do pagamento em parcelas mensais e sucessivas.

Gostou de saber como declarar apartamento na planta? Aproveite para acompanhar o blog da Tarjab e conferir quanto custa para mobiliar um apartamento e prepare-se com antecedência! Dessa forma,